quinta-feira, 28 de julho de 2016

Depois do pôr do sol teve frio, mãos dadas e família.
Pode ser presunção minha, mas tu parecia feliz. 
Tu parece feliz! Teu olho brilha. Eu percebo.
É leve, é sutil, é lindo.
Que bobagem tu vai dizer, nada mudou..mas..
Me conta, foi ruim pra ti? Te desarmou um pouco? Doeu?
E se tu soubesses que ia ser bom assim?
E se tu soubesses que pode ser muito melhor?
Será que tu me deixaria chegar mais perto?
Ahh, em tempo:
Eu penso em ti e não consigo parar de sorrir..

Um comentário: